Saltar para o conteúdo
4 errores que debes evitar al dispensar una cerveza | Install Beer

4 erros a evitar ao dispensar uma cerveja

A COVID-19 afeta indiscutivelmente o setor cervejeiro, não apenas no nível macro. A pandemia também tem várias implicações para algo tão básico quanto jogar meio litro de cerveja. Dada a progressão das infecções por coronavírus, não há outra solução senão arigor ao integrar medidas de segurança. Portanto, neste artigo você encontrará as 4 coisas que nunca deve fazer ao servir uma cerveja. Tome nota!!

Dispensar cerveza

  1. “Toque a bica da torneira com o copo”. Se antes do vírus não era recomendado, agora você deve ter ainda mais cuidado. O exterior da torneira pode conter microorganismos nocivos à saúde que passariam para o vidro, principalmente se levarmos em consideração que os negócios do canal horeca se destacam pelo alto fluxo de clientes e pelo uso descontraído da máscara. Certifique-se de que o vidro não toque na torneira se quiser prevenir centenas de infecções.s.
  2. "Tocando o topo do vidro com as mãos". É na beirada do copo onde o cliente coloca os lábios para beber. Conseqüentemente, o profissional não deve tocar nesta parte em nenhum momento para evitar situações desagradáveis. É aconselhável agarrar sempre o copo pela parte central inferior, embora isso não o isente de medidas de higiene e do uso de gel hidroalcoólico.
  3. “Não é necessário desinfetar na embalagem”. Se levarmos em conta que a cerveja, principalmente a cerveja lupulada, chega a uma velocidade vertiginosa até o consumidor final, isso implica que a mercadoria também é fonte de infecção, já que o vírus não tem tempo de desaparecer. Portanto, é de vital importância desinfetar minuciosamente todos os utensílios envolvidos na produção, embalagem e transporte da cerveja.a.
  4. "Conecte novos barris como nada mais". Além de higienizar a instalação até a torneira, os negócios do canal horeca também devem desinfetar as conexões entre a linha e a válvula cano. Desta forma, garantimos que a cerveja não é um vetor de infecção. Isso também se aplica à limpeza do gargalo das garrafas e da superfície das latas, que é onde o cliente final costuma tocar o produto.

Dispensar cerveza

A essas recomendações específicas, devemos adicionar medidas gerais, comocontrolar a capacidade, limpar as mesas após cada serviçoetc. Embora a princípio possa parecer enfadonho, o cliente final valoriza a responsabilidade das instalações e no curto prazo tende a frequentar bares e restaurantes onde se sinta seguro. Portanto, esse esforço adicional tem um impacto positivo nos negócios.

Dispensar cerveza

Artigo anterior Que ações o setor cervejeiro está realizando no meio ambiente?
Artigo seguinte Como a tendência de consumir apenas no terraço afeta o setor de cerveja?